Certificações

A Comexim está qualificada para trabalhar com as certificações exigidas pelo mercado:
Fairtrade, Rainforest Alliance, UTZ Certified (Part of the Rainforest Alliance), 4C e C.A.F.E. Practices.
Oferecer certificações para quem compra o café é transferir know-how ao produtor.
O resultado desse incentivo são cafés certificados, em produções autossustentáveis e com qualidade para a exportação. A empresa rastreia toda a cadeia produtiva, garantindo a qualidade final do produto.

A Fairtrade apoia pequenos produtores, promovendo condições comerciais mais justas e capacitando-os para combater a pobreza, garantindo que possam desfrutar de meios de subsistência seguros e sustentáveis, desenvolver seu potencial e decidir sobre seu próprio futuro. A ONG apoia a compra da produção oriunda de pequenos produtores, assegurando-lhes um preço mínimo e destinando um prêmio para a cooperativa ou associação a qual são filiados. A Fairtrade também investe na conscientização de consumidores e governos com o objetivo de promover o acesso aos produtores a esses mercados.

Para mais informações sobre o Certificado Fairtrade, acesse:
www.fairtrade.net

A Rainforest Alliance é uma organização internacional sem fins lucrativos que atua na interseção entre negócios, agricultura e florestas, construindo uma aliança de empresas, agricultores, comunidades florestais e consumidores comprometidos em criar um mundo onde as pessoas e a natureza prosperem em harmonia.

Para mais informações sobre o Certificado Rainforest Alliance™, acesse:
www.rainforest-alliance.org

Desde 2018, a Rainforest Alliance e a UTZ se fundiram em resposta aos grandes desafios que a humanidade enfrenta na atualidade, combinando as respectivas forças para construir um futuro no qual a natureza é protegida, a biodiversidade floresce e agricultores, trabalhadores e comunidades prosperam. Suas normas defendem o uso sustentável da terra e práticas comerciais responsáveis em todos os elos da cadeia.
A Comexim conta com um moderno armazém que possui o certificado UTZ Certified, que assegura um rigoroso rastreamento do processo produtivo, desde a plantação até o embarque.

Para mais informações sobre o certificado UTZ, acesse:
www.utz.org

4C (Código Comum para a Comunidade Cafeeira) é um padrão de sustentabilidade independente, voltado a todas as partes interessadas e reconhecido internacionalmente por todo o setor cafeeiro. Seu objetivo é consolidar a sustentabilidade nas cadeias produtivas do café, visando elevar gradualmente as condições sociais, econômicas e ambientais da produção e processamento do café em todo o mundo. Os 12 princípios e 45 critérios de sustentabilidade da 4C são definidos no seu Código de Conduta, dividido em 3 níveis de conformidade, que permitem uma entrada tranquila na certificação e garantem a melhoria contínua dos produtores certificados. O 4C certifica que produtores de 28 países participem de mercados sustentáveis, tenham maiores rendimentos e melhorem as condições de trabalho, ao mesmo tempo que contribuem para a preservação da natureza e da biodiversidade.

Para mais informações sobre o certificado 4C, acesse:
www.4c-services.org

A Plataforma Global do Café (GCP) é uma associação internacional com mais de 200 membros de todos os segmentos da cadeia produtiva do café que atua em 9 países (Brasil, Colômbia, Vietnã, Indonésia, Tanzânia, Uganda, Quênia, Honduras e Peru). Seu objetivo principal é garantir um setor cafeeiro sustentável que ofereça boas condições de vida para agricultores e trabalhadores e assegure sua permanência na atividade ao mesmo tempo que protege os recursos naturais. A GCP coloca em ação a agenda global estabelecida através da iniciativa público-privada, visando melhorar os meios de vida de comunidades agrícolas e preservar o meio ambiente nas áreas produtivas de café.

Para mais informações sobre a Plataforma Global do Café, acesse:
www.gcpbrasil.com/saiba-mais

Práticas C.A.F.E. (Práticas de Equidade do Café e do Agricultor) - As práticas C.A.F.E. são a base da abordagem da Starbucks para o abastecimento ético. Desenvolvidas com a Conservation International, essas diretrizes fornecem critérios sociais, ambientais e econômicos abrangentes que, se seguidos, podem ajudar a sustentar e fortalecer as comunidades que cultivam café, e ao mesmo tempo manter os padrões de alta qualidade da Starbucks, agora e no futuro. O programa é baseado em um conjunto de padrões de abastecimento ético que pontua as fazendas em relação a critérios econômicos, sociais e ambientais, todos projetados para promover práticas de cultivo de café transparentes, lucrativas e sustentáveis, e proteger o bemestar dos cafeicultores, trabalhadores, suas famílias e suas comunidades. O programa de código aberto e verificado por terceiros consiste em mais de 200 indicadores - de relatórios financeiros à proteção dos direitosdos trabalhadores e conservação da água e da biodiversidade. .

Para mais informações sobre a Práticas C.A.F.E. , acesse:
www.scsglobalservices.com/services/starbucks-cafe-practices

Ações sustentáveis
Comexim


 

‪Esta é a 4ª edição ‬ ‪do Informativo Sustentabilidade. ‬
‪Conheça as várias ações desenvolvidas pela ‬‪Comexim com o objetivo de aprimorar a cadeia produtiva cafeeira.‬

07/03/2023

Dia de Campo

07/03/2023

Dia do Campo Limpo

07/03/2023

Auditoria SMETA

07/03/2023

Workshop Star

07/03/2023

Projetos e Melhorias

07/03/2023

Curso de classificação e degustação de cafés

06/03/2023

Treinamento SENAR

Comexim. Sempre ao lado
dos produtores

 

A Comexim apoia os produtores que têm no café a sua principal fonte de renda e zela pela capacitação e qualificação de seus fornecedores. Para tanto conta com uma consultoria permanente de tecnólogos e engenheiros agrônomos que oferecem assistência técnica e orientam os produtores em todas as etapas do processo a partir do preparo da précolheita, garantindo uma produção sustentável e de qualidade.

O acompanhamento é programado de acordo com o ciclo de produção. Acreditando que a agricultura sustentável está intimamente ligada ao bem-estar social e econômico dos agricultores, a empresa oferece treinamentos para que seus parceiros possam cumprir os requisitos e obterem as certificações buscando o desenvolvimento ambiental, econômico e social na região.

 

“Consegui casa, carro e a escola do meu filho, que está fazendo agronomia”

Benedito Carlos da Costa
Produtor na região de Ouro Fino

 

“Eu vivo do café, sustento minha família do café, minha vida é o café”

José Alexandre Dias
Produtor na região de Ouro Fino